Sabático

A palavra SABÁTICO vem sendo cada vez mais comentada pelas pessoas; muitos empresários, funcionários públicos, trabalhadores formais e estudantes estão buscando um período de “descanso”, de “orientação”, de “reflexão” ou até mesmo de “curtição”.

A origem da palavra sabático, conforme extraído do site www.sabatico.com.br/artigo_umaparadanavida.htm, viria dos “livros sagrados. A palavra vem do hebraico shabbath e significa repouso. Assim é conhecido o recolhimento semanal dos judeus” – e, segundo o Michaellis, “Ano sabático: período de descanso remunerado que certas instituições escolares, sobretudo universidades dos Estados Unidos, concedem a seus professores, para fins de viagens de aperfeiçoamento”

Muitas pessoas estão buscando fazer um ano sabático a cada momento que a vida, ou o estresse, “exige”, seja realmente de um ano, de seis meses ou de apenas três. Seja lá qual for o tempo, tornou-se basicamente sinônimo de busca de descanso e reflexão sobre o que se quer da vida, longe do cotidiano do trabalho ou estudo, a fim de descansar a mente e a alma…

Sou um que precisa de um ano sabático, ao menos uns seis meses. Estou cansado, confuso sobre muitos pontos da minha vida, trabalhando muito e estressado imensamente.

Estou lotado num cargo público e onde estou há muito trabalho, mas tudo está fluindo bem, as pessoas são ótimas, o trabalho é muito interessante e não tenho problemas com isso.

Mas paralelamente matenho um escritório de advocacia com um sócio, há quase dez anos, e estou cansado de advogar. Exaustivamente cansado de advogar, de atender clientes, telefone, de dar satisfação a todos a toda hora…

O exercício da advocacia é nobre, mas cansativo. É bonito, mas estressante. É por vezes compensador, mas desgastante.

Eu realmente preciso de um sabático para refletir se é essa carreira que desejo viver pelo resto da minha vida, se conseguirei conviver com este estresse, se poderei viver na boa, ser feliz com o que faço.

Não estou sendo injusto com a profissão, não estou discutindo se a advocacia é uma boa escolha ou não, estou, tão-somente, dizendo que, no momento, me sinto aprisionado a algo que não me dá mais prazer, pelo contrário, só me traz preocupação e desgaste.

De qualquer forma, estou planejando meu sabático para o fim do ano que vem (dezembro de 2010), espero que tudo saia como estou sonhando, espero conseguir me desvincular e desvencilhar deste emaranhado sem muito sofrimento.

Talvez seja uma fuga, que seja uma fuga então, não me importo, é que o que pretendo fazer e o farei, se o Grande Arquiteto do Universo tiver desenhado isto em minha vida.

Oxalá os que lêem o presente tenham a mesma vontade e atitude e o façam um dia.

Que seja uma boa escolha, a minha e a de vocês!

já pensando em sair em viagem

já pensando em sair em viagem

Anúncios

3 respostas em “Sabático

  1. ola…achei esse texto por acaso como vc e concordo…advogar cansa…lidar com problma dos outros é eestressant….tbm preciso d um sabático…T.F.A.

  2. EU VOU FAZER!!!TÃO CERTO COMO 2 E 2 SÃO 4!!!
    PARA MIM O SABÁTICO É UM FORMA DE SE ALTERAR OS PADRÕES ESTABELECIDOS DESSA SOCIEDADE HIPÓCRITA E QUE PROCURA A TODO CUSTO UMA SENSAÇÃO DE FALSA SEGURANÇA E BUSCA SEM SENTIDO. ALGUÉM JÁ REFLETIU SOBRE O PORQUE VIVE?
    TROCO TODO O BEM MATERIAL QUE O DINHEIRO PODERIA ME PROPORCIONAR POR MOMENTOS INESQUECÍVEIS NA MINHA VIDA. É ISSO AE!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s