A Santa Ceia

Resolvi postar uma crônica que escrevi há uns 07 (sete) anos atrás, espero que gostem:

Judas Iscariotes

Judas Iscariotes

A Santa Ceia

Os católicos que me perdoem, minha mãe em especial, respeito muito qualquer religião, mas outro dia me peguei pensando na Santa Ceia. Sim, naquela cena bela de Cristo reunido com seus apóstolos na sua última ceia que tanto os católicos idolatram, daí minhas desculpas.


Devaneei sobre o quadro que minha mãe possui atrás da mesa da copa, ela diz que – “é pra iluminar nossas refeições”, tudo bem.


Depois de tanto pensar, cheguei a seguinte conclusão…Imagine se a Santa Ceia fosse realizada hoje dia, nos padrões normais da sociedade.


Jesus Cristo seria o dono de uma empresa de computadores e os apóstolos seus diretores. Todos estariam vestidos de terno e gravata, menos duas mulheres trajando tailleurs que fariam parte dos apóstolos modernos – até nisso mudaria, seriam dez homens e duas mulheres, para não se falar em machismo – além disso, todos sem exceção teriam celulares. Seria uma grande confusão, pois antes de rezarem debateriam os lucros e perdas da empresa enquanto todos os celulares tocavam ao mesmo tempo…Judas Iscariotis – o que traiu Jesus, segundo a Bíblia – seria diretor de marketing e trairia Cristo vendendo a campanha publicitária da empresa para uma concorrente. Mas o mais inusitado talvez fosse a presença de um laptop e uma webcam à frente de Cristo transmitindo via rede a última ceia.


Se a cena fosse no Brasil fatalmente a Santa Ceia se tornaria numa preleção de algum jogo de futebol. Cristo ficaria na posição de técnico, os jogadores seriam os famosos atletas de Cristo (óbvio) – todos dizendo amém; enquanto Judas seria provavelmente uma espécie de preparador físico que contaria a tática do time para o adversário, mais uma vez traindo Jesus.


Se fossem todos políticos não daria para retratar a cena…Além de Cristo haveria doze apóstolos, todos com o rosto de Judas, e cada um com seu celular e três assessores, cada qual com seu celular também. A mesa estaria cercada por câmeras, repórteres, secretários e os seguranças do local. Fios e papeladas circundariam Jesus não o deixando se concentrar para a última refeição. Os celulares tocariam incessantemente, irritando mais a Ele.


A Globo teria conseguido exclusividade de transmissão e colocariam o Cid Moreira para narrar o acontecimento. Totalizariam cinqüenta e três pessoas e desta vez Cristo seria traído mais uma vez por Judas, só que por doze deles que não votariam o projeto de lei proposto por Ele.


Ainda bem que não sabemos dos pequenos detalhes da Santa Ceia, só sabemos o que nos interessa e nada mais…Imagine o que os apóstolos deviam ter dito:


“para a última Ceia até que a comida está boa…”.


“putz, Jesus bebeu demais de novo e vai começar aquele papo de salvar o mundo”.


“pô, o Cara cobra tanto nossa fé, ´tá pensando que a gente faz milagre  também?”.


Perderia o encanto…E isso é o que menos se deseja.


Ainda bem que tudo isso somente passou pela minha cabeça…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s