Profusão de idéias

 

muitos pensamentos para uma pequena cabeça

muitos pensamentos para uma pequena cabeça

Ontem conversei com minha namorada. Brigamos. Ela queria uma denifição para o nosso futuro e eu disse que ela não podia contar com isso.

Acalmem-se. Não sou um crápula insensível…bom, na verdade sou, mas não neste momento.

À parte de nossos problemas pessoais, dos quais sou responsável pela maioria, disse isso a ela porque eu também gostaria de definir meu futuro.

A cada dez minutos quero uma coisa, a cada dez minutos desejo um caminho diferente para minha vida, a cada nova experiência de vida, seja negativa ou positiva, procuro um novo sentido para viver…

Já quis casar com minha namorada, já quis largar tudo e sair viajando, já desejei fazer voluntariado com ela em algum país do mundo, já pretendi viver de fotografia, já sonhei em ter uma pousada em algum cantinho do Brasil, já tentei estudar para concursos públicos e até pensei em continuar na minha carreira…isso em apenas algumas horas.

Tenho uma dificuldade enorme em focar e descobrir o que quero. Por vezes parece que minha mente é um labirinto formado por corredores de idéias e que a cada caminho tomado sigo numa direção sem destino certo.

Muitas vezes me vejo perdido entre devaneios e pensamentos, conjecturando como seria ou será meu futuro, tentando programar minha vida e desfazendo tais programações como se um castelo de cartas fosse.

É verdade, eu poderia tentar me concentrar mais, me focar mais, mas não consigo.

Os pensamentos vêm à mente como uma enxurrada e não consigo pará-los, não consigo desviá-los, não sou capaz de filtrar qual seria o melhor ou o menos pior para mim.

Fico indeciso, fico ansioso, fico inseguro sobre qual decisão tomar, qual seria o caminho a percorrer, qual me fará feliz…então, aí vem a angústia, a angústia de não saber o que fazer, de não conseguir me decidir, de não conseguir distinguir o que seria o certo e o que seria o errado…mesmo tendo variantes para decidir e se pautar, a cabeça (no caso o cérebro) não é capaz de eleger a melhor.

E as experiências que experimentei em minha vida muitas vezes atrapalham na decisão.

Quando as escolhas são matemáticas, lógicas, são fáceis.

Mas quando algo como decorre de uma experiência, portanto, não exata e recheada de subjetividade, meu, aí que a coisa se complica.

Por exemplo, uma escolha que seria lógica para mim seria: surfar para quem não sabe nadar é perigoso. Não sei nadar. Portanto, surfar é perigoso e desta forma, eu nunca iria surfar. É pura lógica.

Mas vou surfar, mesmo sem saber nadar. Aprendo. Começo a gostar da coisa, de repente me apaixono pelo surfe e mais legal, não passo perrengue no mar, ou seja, não tomo caldos que me deixem com medinho por não saber nadar…então, minha experiência de surfar foi maravilhosa e mesmo sabendo que é um risco, continuo surfando porque me dá prazer.

É apenas um exemplo, até porque não sei surfar…justamente porque tive medo de aprender…mas o fato é este que as experiências me alimentam de um jeito tão adrenalizante que a lógica não me parece tão lógica assim.

E é assim com minha mente a todo momento…algo como – “se abandonar tudo e viajar, qual o problema de ficar sem dinheiro, plano de saúde, carro, etc depois da viagem?”

A resposta será – “ah, nenhum, porque viajar é tão bom que substituirá a perda material e superará quaisquer problemas pelos quais eu passar depois da viagem!”

O que convenhamos, não é verdade, mas minha cabeça raciocina assim…pensa que é e – incrível! – me convence!!!

Por isso é tão difícil eu seguir um rumo concreto, decidir pelas coisas que quero, escolher um caminho seguro e contínuo na minha vida porque nunca sei até quando o quererei.

Assim é a minha mente, uma profusão de pensamentos que atrapalham minha capacidade de discernimento, não me deixam concretizar meu futuro…e magoam as pessoas que mais amo.

Desculpe, Molus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s