A publicidade

A Publicidade

outdoor1

a todo lugar que se vá, uma propaganda

Ao andar pelas ruas e avenidas da cidade e me deparar com outdoors, luminosos, painéis eletrônicos e outros tipos de “olhem pra cá”, cheguei à conclusão de que o mundo é dos publicitários.


Sim, estão em todo lugar, usando suas campanhas, pesquisas, marketings para nos ludibriar.


É sério. Raramente guardo uma música, seja ela MPB, rock, samba, sertaneja…até os repetitivos axés não consigo cantar, mas os jingles…


É mais fácil decorar um jingle que uma qualquer letra de música…só pra exemplificar: “dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial…” – quem não sabe de cor?


No esporte a publicidade também reina soberana. Hoje o esporte é imagem, publicidade. Para um jogador de futebol virar um piloto de fórmula 1(o honrs concurs da propaganda esportiva) só falta o carro, pois sim, daqui a pouco a camisa dos clubes terá tanta propaganda que parecerão os famigerados e coloridos macacões de fórmula 1.


O pior é ver atletas, boleiros, tenistas, nadadores entre outros tentando estampar frente às câmeras de TV a marca que lhes veste. Ficam desfilando por aí com boné disso, agasalho daquilo, sempre à procura da exposição – “é o que me sustenta” – defende-se um jogador de futebol, como se ganhasse uma miséria.


Absurdo!


Os políticos se pararmos para olhar são os maiores beneficiados com a indústria da imagem, porque não fossem excelentes marketeiros, muitos aí na praça iriam dançar. Eleição? Só se fosse pra síndico e olhe lá – sem desmerecer os síndicos, é claro.


Na televisão então chega a ser insuportável o número de comerciais entre as programações. Certo, há propagandas muito boas em especial as feitas no país – não dá pra comparar com as horríveis propagandas de shampoo com modelos estrangeiras e dubladas aqui, as piores – mas esperar de 5 a 7 minutos entre dois blocos é demais, uma afronta!


Sem falar quando inserem nas novelas a publicidade descarada de bancos, perfumes, refrigerantes, uma vergonha. Não há mais discrição, é explícito mesmo.


Daqui a pouco até o Capeta vai contratar um publicitário, só para melhorar a desgastada imagem dele, modificando uma interpretação da Bíblia aqui, outra acolá…já até imagino algo como, “venha para onde sempre é verão e onde sexo nunca é proibido, o inferno é aqui!”, ou “venda sua alma e viva bem a sua vida, pra que passar a eternidade ouvindo harpa?”, ou algo assim…


Não estou desmerecendo a profissão, pelo contrário.

Tenho que admitir, os publicitários são geniais. Considero incrível a capacidade de fazer algo sem importância tornar-se o objeto de cobiça e consumo das pessoas. Outro dia, ouvi de uma boa definição de publicitário de um desses filósofos de bar – “é o cara que faz o feio ficar mais bonito” – dizia.


Mas acho que tudo tem um limite. Há tanta propaganda no nosso dia a dia que até enche.


Talvez nem seja tudo isso, talvez eu esteja exagerando, talvez seja só magoa…sim, porque perdi uma namorada para um publicitário e desde então não me refiz do trauma. No fim ela descobriu que ele era só fachada, muito marketing pessoal e pouca eficiência, mas aí já era tarde…eu não podia arranhar a minha imagem voltando para ela…

Anúncios

Uma resposta em “A publicidade

  1. Creio que seria interessante propor um código de ética na publicidade. Algo que seja mais que uma folha e que realmente sirva prá estabelecer responsabilidades sobre as consequências sociais das idéias que se estão criando.

    Que as pessoas pensem e entendam a necessidade disso sem medos nem destemperos, sem teorias da conspiração contra a liberdade de expressão nem muito menos.

    Não é querer ser inquisidor, até porque mais importante que punição seria a tarefa de regular. E prá não dizerem que meto o nariz somente onde não sou chamado, sou jornalista e acho que o jornalismo precisa também de uma lei de responsabilidades sociais, inclusive de forma mais urgente!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s