Um título faz bem!

Um título sempre cai bem!

Após alguns jogos instáveis que fizeram pipocar dúvidas em algumas pessoas sobre a real capacidade do time, o Santos hoje fez uma grande partida e demonstrou que quando está confiante é extremamente forte e difícil de ser batido, elimiando o Atlético Mineiro nas quartas-de-final da Copa do Brasil, mostrando ao Wanderley Luxemburgo que a hora dele realmente iria chegar…

Creio que um dos fatores que ajudaram o time a voltar a jogar bem foi a confiança que voltou após a conquista do título paulista.

Os jogadores e o próprio técnico Dorival Júnior, ao que parece, sentiram a pressão do favoritismo e não jogaram bem, em especial o jogo decisivo e final contra o Santo André.

O comportamento é totalmente normal porque o time era tido como imbatível, invencível e espetacular e eles precisavam mostrar a eles mesmos que quando fosse um momento de decisão, jogariam realmente como campeões, o que fizeram!

Até o técnico Dorival andou titubeando tanto na escalação quanto nas substituições no último jogo, tentou fechar o time, sacou os jogadores decisivos e colocou jogadores que quase comprometeram o título, mas isso já passou e não apaga os grandes méritos dele na montagem, comando e armação deste time.

No jogo de hoje, Dorival voltou a atuar com três atacantes e ainda apareceu com Wesley no meio-campo, como segundo volante, onde ele rende muito mais, além disso, a entrada de André no ataque coloborou para o melhor futebol de Robinho nos últimos jogos e deu mais opções para Neymar e Ganso.

Este último, aliás, e Arouca foram incansáveis e verdadeiros protagonistas da vitória contra o Atlético Mineiro, levando o time a mais uma semifinal, também duríssima contra o Grêmio.

O futebol alegre novamente foi decisivo para o resultado e os jogadores e técnico não podem deixar este encanto para trás, pois foi este encanto que tornou este Santos tão espetacular, ou melhor, Santástico!

Por falar em fantástico, a quarta-feira foi ótima para santistas e são-paulinos…ambos classificados em suas respectivas competições viram Palmeiras e Corinthians sucumbir ante a Atlético Goianiense e Flamengo.

Flamengo que superou mais uma crise com a força da sua camisa e sua torcida e a cada jogo passa a ser mais o Flamengo do Vágner Love do que o Flamengo do Adriano.

O time da maior torcida do Brasil enterrou o desejo dos torcedores corinthianos de verem seu time campeão da Libertadores no ano do centenário que até agora está sendo o “Ano do Sem Ter Nada!” para os Corinthians.

A desclassificação do Corinthians serviu ao menos para alegrar o mais macambúzio e desanimado palmeirense que também já pensa só e somente só em Campeonato Brasileiro que começará neste fim de semana.

Agora é aguardar o Grêmio e torcer muito!!!

 

Anúncios

4 respostas em “Um título faz bem!

  1. Concordo totalmente com a análise tática…
    O André é imprescindível para o esquema, deixando o trio Ganso, Neymar e Robinho com mais espaço.
    Além disso, essa formação pressiona a saída de bola e facilita a saída de bola do próprio Santos, que é rápida e erra poucos passes, tendo jogadores que se movimentam bastante na frente.
    Espero que o Dorival enxergue isso e não tenha medo de escalar o time da maneira que joga naturalmente, no ataque.
    Abraços Taka!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s